FAQ's

Quando se pretende garantir um elevado nível de conforto e o custo do investimento não é um problema, a combinação de sistemas é seguramente a melhor opção. Numa vivenda de luxo, por exemplo, ter teto radiante em cartão-gesso a arrefecer e o piso radiante a aquecer, é uma ótima solução de climatização que proporciona máximo conforto com o mínimo consumo de energia. Nos apartamentos ou moradias, onde a relação custo/benefício exige ainda um maior equilíbrio, a instalação de apenas um sistema, com funcionamento em aquecimento e arrefecimento, em regra, satisfaz os requisitos dos clientes mais exigentes.
Qualquer um dos sistemas disponíveis, piso, teto ou parede radiante, permite o aquecimento do ar ambiente no inverno e o arrefecimento no verão. Para que tal seja possível, a instalação deve contemplar equipamentos que garantam o aquecimento e o arrefecimento da água que se encontra no interior dos tubos plásticos e em constante movimento dentro do circuito hidráulico fechado. A fonte térmica pode ser única, e nesse caso estamos a falar de uma bomba de calor que garante a climatização todo o ano, ou então, pode ser uma caldeira para a estação de inverno e um chiller para o verão.
O sistema de climatização radiante pode funcionar com qualquer tipo de fonte térmica disponível no mercado: bomba de calor, caldeira a gás, gasóleo, lenha, ou pellets. Atualmente, a solução técnica mais prática e eficiente para o cliente final, passa pela instalação de um sistema de climatização radiante, dotado de uma bomba de calor, que garante aquecimento e arrefecimento com baixos consumos de energia. Deste modo, o cliente garante um excelente nível de conforto, no verão e no inverno, com uma importante redução na fatura energética.
Na reabilitação de edifícios é possível aplicar os três tipos de sistemas radiantes, mas, quase sempre, existem limitações que inviabilizam algumas das soluções. Pode-se instalar um piso radiante Spider, de baixo perfil, sempre que a altura do pavimento disponível é extremamente limitada. Quando não existe altura disponível no pavimento para instalar um sistema de piso radiante, o teto em cartão-gesso é uma ótima solução, permitindo a aplicação de um sistema de aquecimento e arrefecimento com isolamento térmico e acústico. A parede radiante pode ser a solução sempre que não seja possível instalar teto ou piso radiante devido a limitações de ordem técnica ou arquitetónica.
Um sistema de climatização radiante implica muito pouca manutenção. É necessário efetuar apenas a manutenção na fonte térmica, com a periodicidade aconselhada pelo fabricante e limpar a instalação hidráulica, adicionando o líquido protetivo da instalação, em função do estado de colmatação dos filtros. As operações de manutenção devem ser sempre efetuadas por técnicos qualificados e preferencialmente recomendados pela respetiva marca.
No caso de se tratar de uma nova construção, é importante solicitar ao arquiteto, ainda na fase de projeto, para considerar as cotas necessárias à instalação do sistema escolhido. Posteriormente, e não existindo um projeto do sistema de climatização radiante, é impreterível contactar uma marca de referência, capaz de propor produtos e serviços de qualidade, com rapidez e eficiência. Na presença de engenheiros, profissionais e especializados, será possível encontrar a melhor solução técnica para o cliente. Tratando-se de uma reabilitação, é necessário realizar uma visita com um técnico ou engenheiro da marca ao local, para se efetuar um levantamento exaustivo das condições existentes e proceder ao estudo técnico da solução de climatização radiante que melhor se adequa ao edifício em causa.
Ainda que a redução do consumo de energia na climatização dos edifícios seja um fator importante, não podemos esquecer que o objetivo final é procurar obter determinadas condições de conforto num edifício novo ou a reabilitar. Num país como o nosso, onde o consumo específico de energia implicado nos sistemas de climatização é incomparavelmente menor do que nos países do norte da europa, torna-se evidente que é necessário reforçar a componente de conforto térmico no edificado português. A climatização radiante é uma tecnologia inovadora com caraterísticas muito particulares, das quais se destacam a versatilidade, eficiência, conforto e o facto de não ter qualquer impacto visual. Estes atributos fazem com que um sistema radiante contribua significativamente para a poupança, através da maior eficiência energética e proporcione melhor qualidade de vida aos utilizadores. Para que exista conforto térmico é importante que todas as partes do corpo humano experienciem a mesma intensidade de radiação térmica. Os sistemas de climatização radiante têm essa capacidade, de diminuir a assimetria radiante, promovendo um modo mais confortável e económico de aquecer ou arrefecer o ar ambiente, quando comparados com os tradicionais sistemas de ventilação forçada. Os tetos, paredes e pavimentos radiantes são já uma realidade incontornável no panorama da climatização em Portugal e estão, cada vez mais, a alterar o paradigma dos sistemas de aquecimento e arrefecimento dos edifícios no setor residencial e do terciário.
Tratando-se de uma tecnologia inovadora, composta por equipamentos e sistemas com alguma complexidade técnica, é importante escolher uma marca que tenha colaboradores altamente profissionalizados, com formação adequada e que se disponibilize para efetuar o acompanhamento da instalação em obra. A Giacomini é seguramente a empresa que disponibiliza serviços de engenharia e tecnologia radiante que permite garantir aos utilizadores, em casas novas ou reabilitadas, adequada capacidade de resposta dos sistemas, elevado nível de conforto e baixos consumos de energia.
A Giacomini, por exemplo, possui centro de formação e um show-room com caraterísticas únicas em Portugal, onde é possível contactar com os diferentes sistemas de climatização radiante. Nesse local é ainda possível verificar o funcionamento de uma bomba de calor, caldeira de condensação a gás, sistema de energia solar e free-cooling geotérmico. São já milhares os sistemas de aquecimento e arrefecimento radiante instalados nos últimos anos, um pouco por todo o país, e em diferentes tipologias de edifícios: igrejas, fundações, museus, unidades de cuidados continuados, hospitais, centros de alto rendimento, Spa’s, centros de formação, escritórios de empresas, show-rooms, moradias e apartamentos. Contactando uma marca como a Giacomini, certamente, será possível proporcionar uma visita a um determinado edifício dotado de climatização radiante.
A melhor forma de conseguir obter informações mais detalhadas sobre a tecnologia radiante é contactar diretamente a marca. Através do email giacomini.portugal@giacomini.com é possível agendar visitas personalizadas ou solicitar uma reunião com pessoal especializado na climatização radiante, que prestará os esclarecimentos que se verifiquem como necessários.
Os Cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador. Ao utilizar os nossos serviços, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.
| Mais informações

Solicite mais informações

Será contactado por um especialista em climatização radiante


Top